Rádio Progresso AM 1530
Ouvir

Frente fria chega a SP e prefeitura aciona plano de emergência para acolher população de rua

A equipe de Jornal da Globo foi até a estação de metrô Dom Pedro, que vai servir como alojamento. Outras ações espalhadas pela cidade também vão ajudar a amenizar o frio durante a madrugada. Frente fria chega a SP e prefeitura aciona plano de emergência para acolher população de rua

Uma frente fria chega a São Paulo na madrugada de sexta-feira (19) e derruba a temperatura para menos de 10 °C. Para acolher a população de rua, a prefeitura acionou um plano de emergência.

A estação Dom Pedro do metrô, uma das mais centrais da capital, é utilizada como alojamento para as pessoas em situação de rua. É a terceira vez neste ano que a Defesa Civil do estado usa uma estação do metrô para abrigar moradores em situação de rua do frio.

As pessoas ficam no andar de baixo da estação e recebem refeição, colchões e cobertores.

Estação de metrô em SP recebe pessoas em situação de rua devido ao frio.

Reprodução/JG

A prefeitura de SP ampliou a estrutura: abriu 2 mil vagas para abrigar os moradores do frio. Além disso, fez parcerias com entidades filantrópicas e com clubes da cidade, que recebem colchões e cobertores, e servem refeições aos moradores.

“Nós espalhamos as tendas pela cidade não concentrando apenas no centro, porque há também um maior espalhamento das pessoas em situação de rua na cidade. Também estamos espalhando para áreas de maior vulnerabilidade e de maior concentração de pessoas em situação de rua”, explica o secretário municipal de Assistência Social da prefeitura de São Paulo, Carlos Bezerra.

As operações, tanto da defesa estadual, quanto da prefeitura, devem se repetir pelo menos pelos próximos dois dias.

NOTÍCIAS MAIS LIDAS